02/10/2010

Eleições 2010 . Sabe o que eu acho?

Este dia 03 de outubro em que eu e Renata fazemos mais um aniversário, podia ser um 3 de outubro igual a todos os outros que vivemos. Desde minha infância esse era o dia das eleições. Aí veio o golpe de 64 e mudou um monte de coisas que sempre foram: a sede na UNE na Praia do Flamengo, o Palácio Monroe e o direito a liberdade de expressão foram algumas delas. Não vamos falar das coisas mais barra pesada que o golpe de 64 trouxe ou aprimorou. Vamos pensar simplesmente que (ufa!) isso já passou.

Mas o 3 de outubro também deixou de ser data de eleição por um tempo e uma das coisas que voltaram pro seu lugar, junto com o estado democrático, foi a dedicação desta data as eleições.

Dessa vez ela é muito especial. O que eu quero dizer é que essa é a eleição mais bonita de todas que tive a oportunidade de viver nestes 61 anos que completarei amanhã. Os motivos são vários, mas eu destaco os seguintes:

É muito bom a gente ir para uma eleição em meio a um clima de cassação de candidaturas de políticos envolvidos com atividades criminosas. Não sei se essa lei terá eficácia imediata, mas todo esse movimento em torno dela serviu pra nós eleitores ficarmos mais atentos a isso, para irmos dar uma bisbilhotada na vida dos candidatos e tudo o mais. Além disso, acho que a lei influencia também para que alguns candidatos pensem duas vezes antes de se meterem em roubadas neste planeta cercado de câmeras e gravadores escondidos por todos os lados, já que a gente não pode contar com o desejo deles serem honestos simplesmente.

É maravilhoso a gente ver que os quatro candidatos a Presidência da República têm afinidade com partidos voltados para preocupações sociais. Uns mais outros menos, mas nenhum distante deste ideário. Cada um do seu jeito, são quatro sobreviventes do golpe de 64. Amigos e parceiros de gente que ficou pelo caminho e nunca foi encontrada e outros nunca conseguiram reorganizar suas vidas, só porque pensavam diferente do estado golpista.

Agora, maravilhoso mesmo, lindo de morrer, é ver a foto do debate da Globo: Das quatro candidaturas duas são mulheres.

Esse é um momento mais que demais, especialíssimo, principalmente quando a possibilidade de umas dessa mulheres ganhar se apresenta nas pesquisas.

Se a Marina não chegar, tudo bem, de qualquer forma me orgulhei de ver aquela elegante mulher franzina dando uma aula de vivência, de postura e tudo mais. Uma brasileira das melhores.

Me orgulhei muito de Dilma, que no mínimo, em sua trajetória de vida dá um demonstração de capacidade de superação e concentração em objetivos de dar inveja a muita gente. Uma guerreira, das melhores.

O Brasil está de parabéns e eu me orgulho demais de estar por aqui neste momento depois da gente ter passado por tanta coisa. Estamos longe de sermos a civilização que merecemos, mas o futuro chegou e o Brasil está correspondendo ao título de ser o país do futuro, como ouço falar desde minha infância lá no Cachambi.

Estou duplamente feliz por ter torcido e colaborado modestamente para a eleição e reeleição do Lula e não tenho a menor dúvida que foi o melhor presidente que a Republica já teve. E esse papo bobo dos caras ficarem falando que ele apenas deu continuidade a política do Fernando Henrique, é de uma infantilidade, igual a que eu vivia lá no Cachambi soltando pipa e jogando bola de gude.

Lula, dando uma demonstração de responsabilidade, continuou aquilo de bom que Fernando Henrique começou e teve o talento de trazer novas visões para as questões sociais, internacionais, econômicas e políticas. O Brasil mudou neste oito anos, pra melhor.

Viver um operário ser Presidente por dois mandatos e sair com um índice altíssimo de aprovação; viver os quatro candidatos a Presidência da República que temos e ver duas mulheres entre eles, me dá um grande ânimo, me torna muito otimista e tendo a certeza que dentro em breve teremos um negro candidato a este cargo.Então neste 3 de outubro vou tomar um porre de felicidade e cerveja sem álcool (estou em tratamento) ao lado da minha família por conta de todos esses motivos.Como o voto é secreto eu não vou dizer em quem vou votar. Não sou muito afeito a fazer campanhas, disputar concursos, festivais ou eleições e tudo mais.

Não vou dizer, por exemplo, que vou votar na Dilma pra Presidente (Ih! Falei), no Sérgio Cabral pra Governador (ih1, falei de novo), No Lindberg e no Temer para Senadores (cacete!, falei), na Jandira Feghali para Federal e na Cidinha Campos para estadual (caramba!, saiu).

Feliz 3 de outubro pra todo mundo. Beijos.



5 comentários:

EU, CELEBRO A VIDA disse...

Que bom que estamos juntos nessa.... Ao meu companheiro de jornada, meu amigo e meu amor. Parabéns, muitos anos de vida. Que estajamos juntos em várias eleições. Voc~E que é o meu elito predileto.
Tb não sou de contar o meu voto, por isso vou me calar e não divulgarei para ninguém que vou votar na Dilma (ii), no Sérgio (iiii) no Lindberg e Temer (aiii) no Molon e no no no , ainda estou em dúvida... rsss

Tatiana Mendonça disse...

Belo texto Cláudio!!!
O que disse do Lula está certissímo, concordo plenamente, me encho de orgulho em saber que tivemos um presidente operário e que por ele,graças á ele, tive a oportunidade de fazer uma faculdade pelo Pro-Uni e hoje esse projeto beneficia milhares de pessoas! Fico feliz por ter tido a oportunidadede ver isso acontecer e de participar! Uma mulher presidente..Brasil sem preconceitos!

Rosa Maria de Carvalho disse...

Parabéns para vocês e bons festejos no Lapinha.
Agora vamos para o 2ºturno. Já elegemos um operário, vamos eleger uma mulher, e ficamos aguardando um Obama para disputar com Lula em 2014 (?!)...
Bom dia.
ROSA MARIA

Ana Costa disse...

Querido Claudio, fiquei tão emocionada com seu texto, seu olhar do passado, seu olhar otimista para um futuro mais justo e mais belo. Feliz aniversário pra vc e Renata!!
bjs

Zé do Cangoma disse...

Olá Claudio, meus parabéns, muito axé pra vc e pra sua mulher na sua jornada!!! Fiquei tão sentido pelo seu texto que não resisti em postar um comentário... Sou historiador e músico, seu fã de muito tempo, admiro muito seus trabalhos autorais e mais ainda seus arranjos que são exemplares pra mim!!! Tenho seguido seu blog faz alguns meses, eu tenho um blog que disponibiliza discos para download (onde o seu blog permanece likado)e postei alguns meses atrás o seu disco com o Luiz Carlos, sinto muito não ter pedido sua autorização, não conhecia seu blog na época e não sei o que vc pensa sobre a disponibilização de discos na internet, mas gostaria muito que vc desse uma olhada http://ouroso.blogspot.com/2010/03/claudio-jorge-e-luiz-carlos-da-vila.html Posso retirar o disco se vc quiser... Eu disponibilizei pq considero esse disco fundamental dentro de toda a nossa discografia!!! De qualquer maneira estamos juntos nessa luta por um país mais justo!!! Um abração de São Paulo! Rafael