20/03/2012

Tudo pode ficar pior, ou não

Atendendo a pedidos do meu parceiro Hermínio Bello de Carvalho aumentei um pouco o corpo das letras e dei uma mudadinha no lay out.
Gutermberg Guarabyra me sugeriu usar a Verdana em tamanho 14. Adorei as sugestões. Vamos ao post da semana.


Domingo é sempre um dia que reserva surpresas. Tô eu em casa às voltas com leituras sobre a história do violão, sobre o violão brasileiro em particular, quando o computador me avisa que tenho que levantar para esticar as pernas e beber água.

Domingo é dia também, herança suburbana, da televisão ficar ligada na sala falando sozinha. Indo pra cozinha dei de cara com um programa, destes de tarde de domingo, onde a onda era os caras imitando o Neymar dançando o “ai se eu te pego”.
Até aí tudo bem, o que fazer, mas aí veio o melhor. Mudaram a música (música?) para um lance de” eu quero tchu, eu quero tcha, eu quero tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu, tchu” e por aí vai. Morri de rir.
Porque me lembrei da minha juventude, início de carreira, quando o ié-ié-ié mandava no pedaço antes de ser atropelado pelo partido alto do Martinho da Vila.
A gente chamava aquela batida de “tchacundun”.
cum, tchacum, cumtchacumdum, , tchacum, cumtchacumdum ...
Era a levada (ritmo), imitação onomatopaica do ritmo da bateria, tipo “eu quero tchu.”
Conclusão. Tudo na vida pode ficar pior, mas em compensação, pode ficar também cada vez mais engraçado e divertido. Então  leitor, faça a escolha do caminho que você vai seguir neste mundo de “meu Deus!”, com cada vez menos oferta de música e cada vez mais oferta de diversão. Eu já escolhi o meu:
Eu quero tchu, eu quero tcha, eu quero tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu,tchu, tcha, tchu, tchu, tcha, tchu...



Nenhum comentário: